Dirigente do Flamengo contaminado com a Covid-19 recebe alta

Maurício Gomes de Mattos, Vice-Presidente de Embaixadas e Consulados do Flamengo recebeu alta nessa sexta (20). Estava em tratamento desde o dia 13 de março

O Vice-Presidente de Embaixadas e Consulados do Flamengo, Maurício Gomes de Mattos, foi diagnosticado com coronavírus na última semana. A contraprova do exame saiu na sexta (13) passada. Desde então, Maurício está no hospital particular Santa Luzia, em Brasília, no Distrito Federal.

“Foi um susto grande. Estou em Brasília e vou para um hotel aguardar as coisas se acalmarem, para aí, sim, voltar para o Rio. Muita saudade, saudade do dia a dia. Estou valorizando mais a vida”, contou Maurício.

Histórico do contágio

Recentemente, Maurício viajou à Europa ao lado do presidente Rodolfo Landim e do vice de comunicação Gustavo Oliveira. O vice-presidente também esteve na Colômbia com a delegação rubro-negra para a estreia na Libertadores contra o Junior Barranquilla. No último sábado (14), acompanhou o jogo do Estadual no Maracanã.

Após a confirmação que estava infectado, jogadores, comissão técnica e todo o departamento de futebol do Mais Querido foram submetidos a exames para checar se haviam sintomas de contaminação pelo COVID-19.

Todos os resultados deram negativo. Inicialmente, apenas o teste de Jorge Jesus precisou ser refeito, pois os dois primeiros deram, respectivamente, fraco positivo e inconclusivo. Apenas após a terceira coleta, veio o negativo.

Print Friendly, PDF & Email

Add Comment

Deixe uma resposta